Vazamentos de Overwatch 2 foram “desmoralizantes”, diz a Blizzard

A Blizzard Entertainment comentou o vazamento de Overwatch 2 antes da revelação oficial da BlizzCon 2019, chamando de uma experiência “desmoralizante” para a equipe de desenvolvimento.

O diretor do jogo, Jeff Kaplan, conversou com a Kotaku Austrália sobre o sentimento geral que invadiu a Equipe 4, a equipe interna da Blizzard responsável por Overwatch, após o vazamento da sequência. “É extremamente desmoralizante”, explicou Kaplan. “Você se sente totalmente desanimado.”

Recursos de jogabilidade revelam trailer.

Kaplan disse que entende que os vazamentos estão prestes a acontecer, mas o que mais incomoda ele e a equipe de Overwatch é a falta de contexto. “Quando você está tentando entregar algo para alguém e estragá-lo de uma maneira que não seja coerente”, disse Kaplan. “Essa é a parte que mais nos incomoda, onde as pessoas não recebem todas as informações e todo o contexto necessário para entender o que estamos fazendo”.

“Nossos artistas estão com o coração partido: tomam o cuidado de deixar a arte bonita e, em seguida, obtemos uma versão ruim da aparência da arte… e então as pessoas ficam tipos ‘eu não sei, não parece tão bom ‘e nós somos como, não é, parece incrível! É apenas uma captura de tela ruim que alguém tirou, para poder ser um pouco desmoralizante”, disse Kaplan. “Mas minhas interações com todos da equipe hoje são de todos na nuvem nove”.

A Blizzard discutiu os inúmeros novos recursos do Overwatch 2. Juntamente com as novas reformulações dos Heróis, o Overwatch 2 incluirá novos mapas, um modo de jogo adicional chamado Push, missões PvE Story e mais. Embora Overwatch 2 seja uma continuação completa, não haverá expansão, progressão e skins desde o primeiro jogo. Nenhuma data ou janela oficial de lançamento foi confirmada, mas Overwatch 2 será lançado no Nintendo Switch, PC (via Battle.net), PlayStation 4 e Xbox One.